Noticias - Ainda há tempo... | AD Jaraguá do Sul

AD Jaraguá do Sul

Home » Espiritual - Notícias » Ainda há tempo...
l
l
l

  Ainda há tempo...

Ainda há tempo...

Leia sobre a sociedade e seus comportamentos mundanos

O modelo de sociedade que tem se fortificado nos últimos anos tem realmente contribuído com a desvalorização dos valores bíblicos criados pelo Senhor. O ser humano verdadeiramente vem perdendo seu rumo e como consequência é nitidamente visível o aumento na violência, cada vez mais jovens entra no mundo das drogas, a prostituição também vem aumentando cada vez mais, enfim, por que tudo isto está acontecendo?

 

Claro que faltam investimentos na educação, saúde falta oferta de empregos, saneamento e muito mais. Porém, levando-se em conta que o homem é um ser tricotômico, ou seja, formado por corpo, alma e espírito, não será simplesmente proporcionando aos mesmos bens materiais que os presentes problemas serão resolvidos.

 

Existe no interior do homem uma sede natural em conhecer mais a cerca de Deus, e esse lado espiritual precisa esta em equilíbrio se não o seu lado natural (carnal) o dominará e com isso possivelmente janelas estarão se abrindo para manifestação da carne.

 

Biblicamente, o apóstolo Paulo apresentou o fruto do Espírito e semelhantemente as obras da carne. Escrevendo aos Gálatas o apostolo declarou:

 

Gálatas 5:19- “Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o Reino de Deus.”

 

O apóstolo Paulo ao escrever tais versículos, estava destacando:

 

Diferença geral do modo de vida desses dois tipos de crentes:

1. Carnal;

2. Espiritual.

Como também inclui uma lista específica tanto das obras da carne, como do fruto do Espírito, porém estaremos estudando as obras da carne.

 

A palavra carne no grego é sarx, que representa:

• A natureza pecaminosa com seus desejos corruptos:

• Mostra que continua no cristão após a sua conversão:

• Sendo seu inimigo mortal (Rm 8.6-8,13; Gl 5.17,21), caso o cristão não esteja em plena comunhão como o Senhor Jesus.

 

Nesse ponto se faz necessário destacar que aqueles que praticam as obras da carne não poderão herdar o reino de Deus (5.21). Por isso, essa natureza carnal pecaminosa que constantemente tenta reinar na vida do crente precisa ser resistida e transformada.

 

Dentre as obras da carne apresentadas por Paulo, destaco:

• Prostituição (Grego pornéia),Imoralidade sexual de todas as formas que já domina o mundo e agora vem cada vez mais entrando nas igreja. Exemplo: Gostar de quadros, filmes pornográficos etc.

 

• Impureza (Grego akatharsia), pecados sexuais, entre o quais destacam-se os atos pecaminosos, vícios (masturbação) e os maus pensamentos:

 

• Lascívia (Grego aselgeia) merece destaque porque sutilmente entrou nas igrejas através das ”transformações da sociedade” e agora é conhecida como sensualidade, manifesta de tal forma que leva a pessoa a perder a vergonha, o pudor, a ultrapassar limites, expondo assim seu caráter e muitas vezes esquecendo que é templo do maravilhoso Espírito Santo.

 

• Inimizades (Grego echthra), falta de amizade; ódio, indisposição, intenções e ações fortemente hostis, antipatia e inimizade extremas. A bíblia relata que em Mt 26:47-50, revela uma página muito interessante do nosso mestre. Ele mostrou que em nenhum momento excluiu, rejeitou, tratou mau ou humilhou aquele que escolheu trai-lo. E infelizmente nós não aprendemos esse exemplo também. Aqui abro um espaço especial para nós que exercemos liderança na igreja do Senhor, pois muitas vezes agimos pensando só em nossos interasses, deixando de lado a lei do Senhor. Esquecemos da pergunta que o Senhor Fez aos discípulos em Jo 13:12: Entendeis o que vos tenho feito? Humildade, e não egoísmo, egocentrismo, individualismo e acima de tudo amor e respeito.

 

• Emulações (Grego zelos), sentimento que leva a igualar ou a superar alguém; Ressentimento, inveja amarga do sucesso dos outros (Rm 13.13; 1Co 3.3).

 

Esse (último) é um terremo extremamente minado. Deus não pode abençoar o irmãozinho que já começo a olhar para ele atravessado. Se é um cantor não pode cantar melhor que o meu filho, se é um diácono não pode pregar melhor que o presbítero ou o pastor, ainda que a função do mesmo não seja pregar. Quando isso acontece tiramos o mesmo da congregação e colocamos no banco e ainda falamos deixa ele no deserto de Deus. Todos nós somos casos e de barro Jr. 18, e o nosso olheiro é o maravilhoso, conselheiro, Deus forte, príncipe da paz, pai da eternidade que vê e sonda o nosso coração e cedo ou tarde nos chamará para conversar sobre nossos atos e pensamentos. Por que é tão difícil para nós (líderes) alegramo-nos com a alegria do irmão e nos entristecermo-nos com a tristeza dele?

 

Quero aproveitar esse espaço tão precioso para dizer a você leitor que: se você não pode com atitudes concretas ajudar seu irmão, também não queira ser uma pedra de tropeço. Usemos sempre a palavra do Senhor para respaldarmos nossas atitudes. Afinal de contas Paulo declarou:

 

Felipenses 4:8 “quanto ao, mais irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude e se há algum louvor, nisso pensai.

 

O Deus que criou os céus e a terra e que te chamou para ser um grande instrumento em suas mãos, abra teus olhos faça você enxergar que ainda há tempo para corrigir posturas adotadas, evitando assim conseqüências mais sérias amanhã. Deus te abençoe.

 

Dc. Wagner Alves da Silva




Voltar